Sigam o blog

domingo, 19 de fevereiro de 2012

Mundo dos livros



Os Portais da Realidade

 

Nos dias de hoje as novas gerações estão perdendo o contato com os livros. Apesar de nunca antes em nossa história termos estado tão ligado a escrita, pois a internet não existiria sem ela, ainda sim o contato com o primordial desse mundo tão belo está se perdendo...
As crianças vivem tão distantes dos personagens que povoaram a mente, as nossas mentes, que fizeram parte de nossa infância, por outros personagens, personagens que não pedem a elas mais que a visão, e que elas não precisam pensar, exercitar o cérebro. É triste ver o quão desesperador pode ser nosso futuro.
Cada vez mais o prazer de abrir um livro, de ir em uma biblioteca, ficar horas percorrendo as estantes em busca do título que mais lhe chame atenção, reunir uma pilha com os melhores títulos, com as histórias que mais nos intrigaram e tentarmos selecionar entre elas a que iremos ler até o fim. Quanta indecisão quanto ao livro certo, o quão maravilhoso é percorrer as estantes buscando, retirando livros e livros, como uma caça ao tesouro.
E para os mais jovens vem à resposta rápida e eficiente, hoje em dias temos os livros virtuais, rápido, fácil e ainda nem precisa sair de casa. Mas aí está o grande problema, nada se iguala a caçada a seu livro, a estar entre as estantes, encontrar pessoas que podem se tornar grandes amigas, companheiras de viagens, viagens por mundos desconhecidos, onde desbravamos os mundos sonhados, perigos, romances, mistérios, assassinatos, intrigas, vivemos tudo isso e ainda ficamos para contar a história. A bibliotecária torna-se nossa confidente, confidente de segredos que nem mesmo imaginaríamos que um dia teríamos.
Chegamos em casa, vamos para nosso cantinho onde nos entregaremos a este outro mundo, abrimos com grande ansiedade, expectativa, nosso novo companheiro. No começo temos uma certa desconfiança com ele, será que ele será um amigo tão fiel quanto nosso amigo anterior? Será mesmo que depois que tudo o que já vivemos ainda podemos nos emocionar daquela forma, fazer novos amigos, ter novos amores? É com esse sentimento de hesitação que iniciamos nossa leitura.
Aos poucos vamos nos envolvendo, somos tragados  para este universo paralelo onde tudo é real, onde o mundo em que vivemos sim é fantasia. As páginas nos leva por pradarias, vales, cidades, planetas, oceanos, florestas, aos pouquinhos esse mundo se torna nosso mundo. Emocionamos-nos, rimos, choramos, temos ódio, medo, assim como nosso herói vamos descobrindo o que é viver.
As páginas vão diminuindo, vamos percebendo a história se encaminhando para o final, nos desesperamos, a saudade vem, toma conta, contudo não conseguimos parar, vamos até o fim, até o fim com os seres que passamos a amar. E então o livro acaba, a história termina. Nos deixa paralisados perante a surpresa do fim, como pode acabar?
Tristes voltamos ao portal que nos possibilitou entrar neste mundo paralelo e passamos a procurar outros portais por este mundo entre os mundos, guardado por milhões de seres que nos esperamos nos novos portais, para novas dimensões.
Talvez a realidade não exista, ao menos ela não existe como a imaginamos. Afinal, o que é real? Para estes personagens, seu universo, sua história, sua vida é real e a nossa pura fantasia. Para eles nossa dimensão não importa. Em cada livro existe algo novo para ser descoberto, apenas esperando que possamos abrir uma página.
Então caminhemos para eles, para estes portais, espelhos. Quem sabe o universo em que existimos não passe de um sonho, ilusão, livro, de um ser maior? Não podemos controlar os bilhões de universos, de realidades, mas podemos fazê-los reais.
Somos portadores de um grande dom, o de transitar entre mundos, e nossa nova geração está esquecendo esse dom  preciso é preciso lembrá-los de seus grandes poderes.
Assim como os poderes que todos nos temos de criar novos universos, todos somos criadores, está em suas mãos o destino de “Seu Mundo”.

 

2 comentários:

  1. (Acho) que faço parte de uma minoria de jovens que sentem prazer não só na leitura, mas também na sua procura, pois é divertido ficar entre tantos títulos e escolher apenas um para ler naquele momento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Assenav,
      É um prazer saber que ainda há pessoas que estão ligadas e vivem os prazeres da leitura.

      Excluir

Seu comentário é muito importante para mim, por favor deixe a sua opinião aqui.
Eu peço apenas que não utilizem palavras de baixo calão ou xingamentos, não modero os comentários, porém caso sejam apenas de ofensas serão excluídos, críticas serão sempre bem vindas.
Desde já muito obrigado,
Pallas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe seu comentário pelo Facebook